O que é Cruelty Free? Sobre os Testes em animais.

o

 

Afinal, o que é cruelty free? Quem nos acompanha está sempre vendo essas palavras nos posts e em referência aos produtos que aqui são mostrados, mas afinal porque estou o tempo todo falando sobre isso?

Resolvi fazer esse post/vídeo porque sempre vale a pena reforçar informações sobre esse tema e porque senti a necessidade de trazer um post/vídeo bem específico e direto, respondendo as dúvidas básicas sobre esse tema, a maioria delas, dúvidas que eu tinha no começo.

Traduzindo essas duas palavras: cruelty = crueldade, e free = livre, ou seja, cruelty free = livre de crueldade. Isso significa que todo o produto ou qualquer coisa que se diz “cruelty free” ele está querendo dizer que não se utilizou de procedimentos e experimentos com animais, não houve crueldade animal.

Todo produto antes de ir para o consumidor precisa garantir a ANVISA (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária) que é seguro e que não oferecerá risco para o consumidor. Existem várias formas de garantir a segurança de produtos, uma delas são os testes utilizando animais. As empresas fazem diversos tipos de testes do seu produto final, ou componentes do produto, pra avaliar como aqueles químicos se comportam quando entram em contato com o animal (pele, olhos, etc.) A ANVISA não exige que sejam feitos testes em animais, mas as empresas continuam a utilizar testes em animais. Em uma entrevista à uma rádio, o Coordenador da Cruelty Free International – Brasil responde diversas dúvidas sobre esse tema e explica os motivos para que as empresas continuem testando seus produtos em animais. Compreendo então então que continuam a testar por questões de custo, pois toda mudança incide em custos para a empresa no primeiro momento, e pelo fato também de não existir uma legislação no nosso país que proíba tais testes, assim como na Europa onde os testes foram proibidos, eles continuam então a praticar tal crueldade. Graças a Deus existem empresas éticas que não se preocupam só com com os lucros e se esforçam para desenvolver produtos “limpos”, sem crueldade e sustentáveis. Ressaltando aqui que hoje existem métodos substitutivos para praticamente todos os tipos de testes com cosméticos, não sendo necessária a utilização de animais para o mesmo.

Agora como saber se um produto foi ou não testado em animais? Vou tentar ser o mais objetiva possível, porque esse assunto rende um pouquinho, rs. Existem 2 Ongs bem conhecidas nessa área que disponibilizam uma lista com as empresas que se declaram cruelty free, são elas a organização de direitos dos animais, PETA (People for the Ethical Treatment of Animals) e a entidade Ambiental, PEA (Projeto Esperança Animal) que é nacional, e disponibiliza a lista de empresas Brasileiras, e por último temos a lista das empresas que possuem o selo de certificação Leaping Bunny, reconhecido internacionalmente.

Leaping Bunny que dizer coelho saltitante, que é a logo da certificação. Toda empresa que possui a certificação Leaping Bunny quer dizer que realmente não testa em animais, pois para receber essa certificação a empresa passa por uma auditoria que comprova se está apta a ser considerada uma empresa cruelty free. Eu utilizo essas 3 listas que citei, não sei se existe mais alguma, mas essas são as que considero confiáveis, ressaltando aqui que a única que garante que a empresa é 100% cruelty free é a lista da certificação Leaping Bunny, ( garante que a empresa não testa e nem compra produtos testados) mas infelizmente ainda não temos nenhuma empresa brasileira certificada. Algumas dessas empresas certificadas aparecem também na lista do PETA.

Ainda não vejo uma vontade das pessoas em saber mais sobre o assunto, mas atribuo isso à falta de informação, pois muitos até usam produtos de marcas cruelty free, mas muitas vezes nem sabem. Eu digo isso porque também era assim, a gente no fundo sabe que essas coisas acontecem, mas a vida faz a gente se preocupar com tantas coisas que acabamos olhando apenas para nós, esquecendo de todo o mundo a nossa volta. Confesso que não sou o exemplo de pessoa “cruelty free”, mas desde que abri meus olhos para a causa e parei de focar apenas em mim, venho trilhando esse caminho de descobertas e mudança.

Hoje o “Amarás o teu próximo como a ti mesmo” interpreto de uma outra forma, o meu “próximo” não apenas se resume a mesma espécie, mas sim todos, e desde o princípio essa era a mensagem.

Espero que o post e o vídeo tenham te ajudado  a esclarecer esses assuntos que são tão abordados aqui no blog, e se ainda existir alguma dúvida não deixem de perguntar, deixem comentários ou me mandem mensagem, estou descobrindo tudo com vocês e pretendo nesse ano compartilhar todas as novidades e curiosidades. E aí topam me acompanhar? Rsrs

Aqui abaixo está o vídeo que gravei com todo o conteúdo que queria abordar hoje.

Um beijo enorme e até o próximo.

 

Listas com as empresas Cruelty Free.

PETA: http://features.peta.org/cruelty-free-company-search/index.aspx
PEA: http://www.pea.org.br/crueldade/testes/naotestam.htm
LEAPING BUNNY: http://www.leapingbunny.org/shopping.php
http://www.gocrueltyfree.org/search

ENTREVISTA do Coordenador da Cruelty free International  – Brasil: http://radios.ebc.com.br/amazonia-brasileira/edicao/2013-10/campanha-pede-fim-de-testes-em-animais-para-produtos-cosmeticos

Se você tem uma empresa de cosméticos cruelty free e quer mais informações sobre o selo Leaping bunny é só entar em contato através do site: http://www.gocrueltyfree.org/company/why-join/apply-now

Qualquer dúvida estou a disposição para ajudá-los.

Vamos incentivar o amor ao próximo seja ele quem for!

8 thoughts on “O que é Cruelty Free? Sobre os Testes em animais.

  1. Amei suas informações Ester! eu tambem optei por usar produtos que nao fazem testes em animais…é uma decisão de
    humanidade…e seu video é esclarecedor…parabéns!

  2. Olá !!
    Hoje eu fui compra um creme de cabelo e estava lendo a composição, pra que servia etc.. quando eu vi aquele coelhinho fofo me informando que o creme não fazia testes em animais fiquei muito feliz, comprei sem pensar duas vezes!
    É bom quando sabermos que aquele produto que estamos utilizando não machucou, nem feriu, nem matou nem um animal indeveso !
    Amei o post e o vídeo parabéns pela iniciática !!
    *–*

    1. Poxa que legal!!!Muito bom quando isso acontece!!
      Realmente é muito bom saber que o produto que estamos usando não contribui com nenhuma dessas maldades.
      Muito obrigada minha linda, foram feitos com muito carinho, obrigada por sempre nos acompanhar!
      Um beijo enorme!!! 🙂

Deixe uma resposta para Miriã Neto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: